Professora dedica mais de 40 anos à formação de novos talentos no atletismo

Guarulhense de coração como ela mesma diz, Irani Santos apenas nasceu na capital paulista, mas logo veio viver uma linda história em Guarulhos. Há 44 anos no atletismo, a professora de Educação Física atua na Prefeitura do município na equipe de auto rendimento e com as turmas de Iniciação Esportiva, que trabalha com crianças a partir dos sete anos.

O programa de Iniciação Esportiva nasceu com o objetivo de proporcionar atividade física à crianças e adolescentes, democratizando o acesso à prática esportiva e promovendo o desenvolvimento integral dos mesmos. As atividades acontecem em diversas regiões da cidade. “Me realizo quando vejo um aluno optando pelo atletismo, que é uma das coisas que mais amo na vida. Me empenho, não apenas em formar um atleta, mas em ajudá-lo a se tornar um cidadão”, comentou a professora.

Irani conheceu o esporte por meio de professores de Educação Física que lecionavam na escola onde estudava. Na época, viram seu potencial e rapidamente a encaminharam para o handebol. Entretanto, não ficou muito tempo na modalidade e, no inverno de 1975, conheceu uma paixão que a conduziria por toda a vida.

“O professor Bernardes me apresentou a um outro professor, Marcos Magnoni, que me levou ao lançamento de dardo. Foi amor à primeira vista. A partir dali, nunca mais saí do atletismo. De lá para cá, já se passaram mais de quatro décadas de muita dedicação, conquistas e grandes amizades”, conta Irani.

Um dos momentos marcantes de sua carreira aconteceu na disputa dos Jogos Abertos do Interior, de 1979. Naquela ocasião, o atletismo guarulhense deu um show, tanto no masculino, como no feminino, sagrando-se campeão na modalidade.

Outro fato importante em sua carreira veio dois anos depois, no Troféu Brasil de 1981, realizado em São Paulo. Irani conseguiu melhorar sua marca na competição e, além disso, fez parte de uma equipe muito forte, que contava com nomes como Zequinha Barbosa, Marli dos Santos e João do Pulo, um dos maiores nomes da história do salto triplo mundial.

Conquistas e desafios do esporte

Por meio do atletismo, Irani visitou inúmeros estados, países, conheceu muita gente e formou centenas de atletas nestes quase cinquenta anos no esporte. Porém, também enfrentou as provações que a agenda esportiva exige. Treinos diários e inúmeras viagens exigiram muita compreensão dos familiares.

“É complicado. Aos finais de semana, estamos sempre à disposição do atleta. Normalmente saio entre seis e sete da manhã e não tenho horário para voltar. Dentro do possível, sempre procuro conciliar. No meu caso, ter um marido que é do esporte acaba minimizando essa situação, mas é difícil”, disse.

O amor pelo atletismo e pelas crianças faz com que Irani Santos ultrapasse todos os obstáculos que lhe aparecem no caminho. Isso é notório quando, diariamente, no Estádio Arnaldo José Celeste, na Ponte Grande, ela inicia sua aula, atendendo cada aluno como se fosse a primeira vez. “Espero continuar meu trabalho. Tenho muito o que fazer ainda pelo esporte. Amo demais minha profissão”, finalizou.

Voltado para crianças e jovens entre 7 e 17 anos, a Iniciação envolve modalidades esportivas, como futsal, voleibol, basquete, futebol, handebol, judô, ginástica artística, natação, xadrez, atletismo, entre outras.

Mais informações e inscrições podem ser obtidas pelo telefone 2087-6866.