Auto Escola Villa Carmela

Banco de sangue do Hospital Geral de Guarulhos atinge estado crítico

Banco de sangue do Hospital Geral de Guarulhos atinge estado crítico

Por conta da pandemia de coronavírus, o estoque de sangue do Hospital Geral de Guarulhos (HGG) chegou ao estado crítico e está quase zerado. Por isso, a unidade está convocando doadores para ajudar a aumentar a coleta e, consequentemente, a disponibilidade de bolsas de sangue para a rede de saúde.

O número de doadores caiu 90% no HGG, que recebia cerca de 40 por dia e agora possui média diária de 4 pessoas.

“Medidas já existentes também foram reforçadas, como a triagem clínica com entrevista confidencial, medição da temperatura e avaliação de sintomas de gripe ou resfriados. Importante ressaltar que todo o processo de doação é rápido, em torno de 50 minutos”, explica a Coordenadora do Posto de Coleta de Sangue do HGG, Cárlei Godinho.

“Como medida de segurança extra por causa da pandemia, quem teve COVID-19 recentemente precisa esperar pelo menos 30 dias para doar, contados a partir do fim da doença. Quem teve contato com alguém com suspeita ou diagnóstico positivo de COVID-19, ou exposto a algum risco, precisa esperar 14 dias”, completa Godinho.

O sangue coletado é fracionado e examinado no hemocentro do Hospital São Paulo, referência da unidade. Feito esse processo, o sangue retorna para uso no próprio HGG.

Como doar

Para realizar a doação é preciso estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos (menores de idade precisam apresentar autorização assinada pelo responsável e maiores de 60 anos já devem ter feito uma doação anterior), pesar no mínimo 50 kg, ter dormido pelo menos seis horas, estar alimentado e apresentar documento original com foto recente na hora da doação.