Auto Escola Villa Carmela

Guarulhos apresenta ações no Dia Mundial do Meio Ambiente

Guarulhos apresenta ações no Dia Mundial do Meio Ambiente

O Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado em 5 de junho, foi criado pela Assembleia-Geral das Nações Unidas em 15 de dezembro de 1972 na Conferência de Estocolmo, na Suécia, cujo tema central foi Ambiente Humano.

Mesmo com todas as limitações impostas pela pandemia da Covid-19, que exigiu o afastamento temporário de funcionários com doenças preexistentes e maiores de 60 anos, a Secretaria de Meio Ambiente (Sema) de Guarulhos vem trabalhando para manter o ritmo de trabalho o mais próximo possível do que acontece em tempos normais.

A Sema tem a missão de elaborar, em conjunto com as demais secretarias e órgãos da administração municipal, e com a participação da sociedade civil organizada, a Política Ambiental do Município e o Código Ambiental Municipal. E, mesmo em um ano tão atípico, a Sema apresenta um balanço de suas ações até junho de 2020 para comemorar o Dia Mundial do Meio Ambiente.

Em relação à arborização, desde o início deste ano foram plantadas 3.277 mudas de árvores nativas da Mata Atlântica local, como ipê, pau-brasil, palmito-jussara, pata-de-vaca, pau-ferro, jabuticaba, entre outras.

No combate ao desmatamento e a invasões de áreas de interesse ambiental foram deflagradas 34 grandes operações de fiscalização em campo, que resultaram em apreensões, multas e processos. Ainda no combate ao desmatamento, a Sema adquiriu cinco drones para fiscalização e mapeamento de áreas verdes na cidade.

A manutenção e revitalização dos parques e praças ocorrem diariamente. O Bosque Maia, por exemplo, maior e mais frequentado parque da cidade, passa agora por revitalização, com reforma e pintura da pista principal de caminhada, novos canteiros, pintura das quadras esportivas, novas lixeiras, nova base da GCM, reforma dos sanitários públicos e instalação de oxigenadores no lago principal.

Nos primeiros seis meses de 2020 mais de 1.900 podas de árvores foram feitas. Desde o início da atual gestão, este número chega a 11 mil. Como os resíduos provenientes das podas são processados na Serraria Ecológica da Sema, nos primeiros quatro meses deste ano foram produzidos 882 metros lineares de madeiramento, além de 48 toneladas de compostagem orgânica, material que deixa de ir para o aterro sanitário, gerando assim economia para os cofres públicos e grandes benefícios ao meio ambiente.

O programa Adote uma Área Verde já alcançou 304 praças e canteiros adotados pela iniciativa privada, que fica responsável pela manutenção dos mesmos, podendo divulgar suas marcas nesses locais como contrapartida.

Com relação à preservação da biodiversidade, o Zoológico Municipal recebeu 151 animais levados ao parque por munícipes. Desses, 101 foram tratados e recuperados na clínica veterinária do zoo e devolvidos à natureza.

Já o Departamento de Proteção Animal (DPAN) conseguiu um lar para 180 animais através de campanhas de adoção online e presenciais em parceria com a iniciativa privada e implantação da adoção online com delivery.

Mesmo com todas as limitações que a Secretaria de Meio Ambiente enfrenta, especialmente neste ano, esses números só foram alcançados graças ao empenho e determinação do prefeito Guti e dos 600 servidores da pasta.


*Regina Flávia Latini Puosso é secretária de Meio Ambiente de Guarulhos